Vitamina B2

 

A Vitamina B2, seja principalmente para alimentação, é cada vez mais buscada pela população nos tempos atuais. Tratamentos fitoterápicos, chás, sucos detox, frutas e extratos são frequentes opções. Entretanto, a suplementação ganha força, quando se trata de hipovitaminoses, ou hipervitaminoses, em situações de carência.

 

Dessa forma, vitaminas possuem destaque em métodos saudáveis ultimamente, sendo o complexo B, o maior protagonista. No entanto, suas fragmentações variam em diversas funções e adquirem importâncias particulares. Neste texto, abordaremos sobre a Vitamina B2 e suas características, além de informações necessárias para consumo e aquisição.

 

O que é Vitamina B2?

A priori, é válido o entendimento sobre importantes detalhes a respeito da Vitamina B2, como suas denominações, origem, nome científico, entre outros. Nessa perspectiva, a compreensão, posteriormente, será efetivada. Vejamos:

 

Anteriormente categorizada como vitamina G, a B2 é um composto orgânico, do grupo das flavinas (ou riboflavinas) que formam o complexo B. Quando ocorrem reações químicas de síntese entre certos compostos e sua cadeia principal, moléculas como a dinucleótido de flavina e adenina (FAD) e mononucleótido de flavina (FMN) são formadas. Estas, fazem parte de proteínas transportadoras de elétrons, responsáveis por fornecer ATP para as células na etapa final da respiração celular, a fosforilação oxidativa.

 

A Riboflavina é uma vitamina hidrossolúvel (polar) e pertencente ao grupo das essenciais, ou seja, não são produzidas suficientemente pelo corpo, o que gera situações de suplementação alimentar. Caso se interesse após ler inteiramente o artigo, no site da Naturemed, você pode encontrar Caixas com 120 cápsulas de 35mg das Vitaminas do Complexo B, incluindo a B2.

 

Qual é a função da Vitamina B2?

A vitamina B2 tem como a produção de sangue como principal função no corpo humano. Ela aumenta o número de glóbulos vermelhos, o que acaba necessitando de mais sangue para a livre circulação de todos eles. Com isso, é comum encontrar suplementos de vitamina B2 em tratamentos de hipotensos.

 

Além do mais, a vitamina também é conhecida por ativar o metabolismo, para que funcione adequadamente no corpo. Às vezes, a rotina exaustiva toma conta do seu corpo, que não tem energias suficientes para atender todas as suas necessidades diárias. Dessa maneira, a vitamina atua no estímulo de produção de energia, com o fornecimento de moléculas para serem degradas e convertidas em ATP.

 

Para que serve a Vitamina B2?

As funcionalidades existentes na segunda fragmentação do Complexo B são variadas, as riboflavinas possuem importantes papéis no organismo, como estimular a produção de sangue e os processos metabólicos. Porém, a vitamina B2 pode servir para diversas utilidades ainda não citadas, como veremos mais à frente.


 
Sua riqueza em componentes benéficos à saúde, permite que ela seja um dos suplementos mais usados na atualidade para tratamentos que envolvem a circulação sanguínea ou a produção de energia no corpo. Dessa forma, percebe-se tamanha importância do produto, que justifica sua alta demanda no mercado.

 

Outros benefícios da Vitamina B2:

Como vimos acima, a vitamina B2 possui grande participação em procedimentos médicos importantes para o nosso dia a dia, com o intuito de regular nosso organismo, melhorando a qualidade de vida do consumidor e aumentando, por exemplo, sua expectativa de vida também, visto que protege contra determinadas doenças comuns na população brasileira.

 

Pensando nisso, decidimos buscar os mais variados benefícios que as formas de uso da vitamina podem nos fornecerem, desde que sejam tomados dentro das recomendações prescritas, obviamente. Por isso, confira cada benefício, seus respectivos detalhes (logo abaixo) e entenda tudo sobre o poder que a B2 possui!

 

Participação da produção de ATP no corpo: Como a vitamina fornece grandes moléculas que podem ser convertidas em energia, isso pode ocorrer por meio da grande quantidade de glicoses apresentadas para a realização da respiração celular do metabolismo energético humano, grande responsável pela produção de ATP.

 

As moléculas são capturadas pelas células e degradas em uma etapa que consiste em quebrá-las em pedaços menores, para posteriormente usar cada fragmento para a conversão de energia, gerando cerca de 36ATP por molécula utilizada. Dessa forma, o corpo do usuário de vitamina B2 tende a ser mais ativo e disposto.

 

Favorecimento do crescimento e desenvolvimento, especialmente durante a infância: A infância é uma fase que precisa de muitos cuidados em relação à saúde e o crescimento dos ossos e músculos. Essa preocupação é justificada pelo fato de que qualquer erro pode ser grave futuramente, gerando enfermidades que complicariam a vida da criança.

 

Pensando nisso, crianças sempre devem ter uma alimentação muito saudável, mesmo com todas as guloseimas, o que inclui a adição de alimentos com vitamina B2, com finalidade de beneficiar melhor a circulação do sangue, absorção desses nutrientes importantes e permitir maior quantidade de energia para seu corpo em desenvolvimento.

 

Atuar como antioxidante, prevenindo doenças como câncer: ainda há a ocorrência de aço antioxidante no corpo do consumidor. Antioxidante são importantes agentes que possuem o papel de combater os radicais livres, que são grandes colaboradores para o surgimento de doenças, seja viral ou em nível genético,  como o câncer. 

 

Uma grande tarefa desses componentes oferecidos pela vitamina B2 é o fato de serem estímulo para a produção de anticorpos classificados como linfócitos B. Estes, são destinados a eliminação de invasores que atacam nosso organismo, geralmente introduzido por meio de impurezas na respiração, principalmente.

 

Manter a estabilidade das hemácias do sangue, responsáveis pelo transporte de oxigênio: transporte de oxigênio é o principal papel das hemácias que circulam pelo nosso sangue todos os dias, com intuito de oferecer moléculas do gás que são necessárias para as etapas aeróbicas da respiração celular, processo no qual ocorre produção de energia.

 

A vitamina B2, como aumenta a produção de sangue, consequentemente produz maiores números de glóbulos vermelhos, o que melhora a respiração.

 

Efetivar o desempenho dos olhos e prevenir catarata: Graças à semelhança de ramificações com a Vitamina A, além de ajudar nas funções do beta caroteno, a vitamina B2 pode ser boa para o globo ocular, o que gera maior proteção para os olhos e suas respectivas enfermidades que assolam a saúde ocular de muitas pessoas.

 

Garantir a saúde da pele e da boca: De certo modo, pode ajudar na regeneração da pele em casos de ferimentos e aumenta a saúde da boca.

 

Permitir o bom funcionamento do sistema nervoso: As transmissões neuromusculares também são de grande importância para o corpo humano, pois alegaram ter os movimentos de acordo com os comandos estabelecidos pelo cérebro sejam realizados. Dessa forma,a vitamina B2 atua na efetivação desses serviços no sistema nervoso, gerando maior agilidade nos movimentos dos membros corporais. 

 

Diminuir a frequência e a intensidade das enxaquecas: Como a B2 É uma vitamina o que possuem ação antioxidante no corpo, os agentes responsáveis pela enxaqueca são impedidos de continuarem exercendo seus malefícios, visto que o produto estimula o desenvolvimento do sistema imunológico. Com isso, a frequência de sintomas e força da doença são amenizados gradualmente.

 

Quais as formas de uso e como tomar?

Sobre Onde comprar a vitamina B2, você pode adquirir ela em várias lojas. Entretanto, é válido ressaltar que os produtos industrializados  possuem risco de alergia, visto que são adicionados compostos o que supostamente causam essas reações. Por isso sempre recomendamos que adquira derivados de vitaminaB2 em lojas de produtos naturais, como a nossa.

 

Sobre o preço da vitamina B2, não se preocupe! pois temos o melhor preço do mercado! além disso, você pode encontrar as formas de uso em cápsulas, em pó ou em alimentos. A seguir, falaremos de modo mais detalhado sobre os principais métodos de consumo e suas respectivas dosagens recomendadas por profissionais de saúde, de modo geral. Confira!

 

Cápsulas: Além da diversidade de alimentos para o consumo de Vitamina B2, há opções como a suplementação em cápsulas, geralmente encontradas em multivitamínicos como os produtos comercializados no site da Naturemed, que envolvem o complexo B em um preço acessível. 

 

Para homens maiores de 18 anos saudáveis, a recomendação da dose diária é de 1,3 mg por dia, enquanto para mulheres, deve ser de 1,1 mg. Para amamentadoras ou gestantes, a dosagem aconselhável é de 1,4mg a 1,6mg. Já para adolescentes, em torno de 1,2mg por dia é o ideal.

 

Pó: A vitamina B2 em pó é comumente consumida de acordo com vários fatores que influenciam em suas dosagens, como peso corporal, histórico de saúde e carência de nutrientes. Dessa forma, sempre recomendamos uma consulta como nutricionista  ou médico especializado em nutrição, previamente à aquisição do produto.

 

Alimentos: A presença de Riboflavinas em alimentos é variada e as opções são diversas. Importante ressaltar que a eficácia dos benefícios é diretamente proporcional à quantidade ingerida. Porém, mais a frente, relataremos sobre cuidados com a dose diária. A seguir a listagem de alguns exemplos:

- Alimentos (100g) / Quantidade de vitamina B2 = Energia

- Fígado de boi cozido / 2,69 mg = 140 kcal

- Leite integral / 0,24 mg = 260 kcal

- Queijo minas frescal / 0,25 mg = 264 kcal

- Iogurte natural / 0,22 mg = 51 kcal

- Levedo de cerveja / 4,3 mg = 345 kcal

- Aveia em flocos / 0,1 mg = 366 kcal

- Amêndoas / 1 mg = 640 kcal

- Ovo cozido / 0,3 mg = 157 kcal

- Espinafre / 0,13 mg = 67 kcal

- Lombo de porco cozido / 0,07 mg = 210 calorias

 

Quais os efeitos colaterais e contraindicação?

Para finalizar, alguns cuidados são aconselháveis perante o consumo e aproveito da Vitamina B2. É contraindicado em caso de gravidez (sem autorização médica), Hipersensibilidade, conhecida a um de seus componentes e produtos proteicos derivados de amendoim, Hipervitaminose, para recém-nascidos, lactantes e crianças com menos de 11 anos.

 

Não é recomendado para uso em situações hipervitaminose ou que apresentam sinais de intolerância à tiamina (B1). Deve-se procurar um profissional da saúde, como médico, nutricionista, ou cirurgião-dentista, para coletar mais informações e estar ciente da regulamentação diária para seu organismo.

 

Ademais, referente as dosagens inseridas de Vitamina B2, é bom seguir a política do meio-termo. Pois, por exemplo, a hipovitaminose poderá causar lesões nos cantos da boca (estomatite angular), problemas de pele, excesso de células sanguíneas (hiperemia), perda de cabelo e de peso, problemas reprodutivos e danos no fígado e sistema nervoso.

 

Já a hipervitaminose, não é comum pois a capacidade de absorção desta molécula é limitada, ou seja, se você ingere suplementações mais que o preciso, será apenas um dinheiro gasto desnecessariamente. 

Blog Naturemed