• Potássio você encontra para comprar na Naturemed. Potássio suplemento mineral com menor preço, que traz inúmeros benefícios para a saúde muscular, circulação e óssea. Além disso, esse mineral também auxilia na perda de peso e no ganho de massa muscular.
    Melcoprol
    Product ID: 342
    Product SKU: 342
    New In stock />
    Potássio - Suplemento Mineral - 100 cáps - 500mg - Melcoprol
    • -26% OFF
    Potássio - Suplemento Mineral - 100 cáps - 500mg - Melcoprol

    Potássio - Suplemento Mineral - 100 cáps - 500mg - Melcoprol

    De:R$42,90
    Por: R$ 31,90

Potássio

 

O Potássio é um dos principais minerais necessários para o organismo, sendo considerado um dos mais importantes para o bom funcionamento de todo o corpo. É também um eletrólito, uma substância que funciona conduzindo a eletricidade no corpo, juntamente com o sódio, cloreto, cálcio e magnésio. O cloreto de Potássio é importantíssimo para a função cardíaca, e ainda desempenha um papel fundamental no processo de contração do músculo esquelético, o que pode beneficiar significativamente para uma digestão normal.

 

Além disso, uma dieta rica em Potássio contribuir para redução da pressão sanguínea e a retenção líquida, sua ação ainda consiste em proteger de condições como o derrame, osteoporose e pedras nos rins. Infelizmente, algumas pessoas fazem uma baixa ingestão de Potássio de forma que ele seja suficiente. O que é um problema. Diversos especialista já alertaram que a manutenção de um nível de Potássio no sangue na da forma adequada é de extrema importância, isso porque esse mineral tem substâncias que são fundamentais na função dos nervos e músculos, principalmente no músculo cardíaco.

 

Circunstâncias como idade, diabetes e diversas outras condições podem prejudicar, de forma significativa, a sua função renal. Como os rins pode ajudar a regular os níveis de Potássio no sangue, é importante um trabalho em conjunto para que tanto os rins possa funcionar de forma adequada, quando a absorção e regulação dos níveis de Potássio no sangue possam acontecer de forma natural. Neste  texto, além de todas as funcionalidades e contribuições desempenhadas por este mineral, você também poderá ver como é a atuação e todos os benefícios oferecidos pelo Potássio.

 

O que é Potássio?

Pode ser que através de alguma fruta, como no consumo da banana para a ingestão deste mineral, provavelmente você já tenha ouvido falar de Potássio. Ele é um poderoso e muito conhecido nutriente que pode contribuir para o equilíbrio e reposição de eletrolítico e em melhorias das cãibras musculares. Mas para que o cloreto de Potássio serve e porque esse nutriente é tão importante e para a boa manutenção da saúde?

 

O Potássio é na verdade um mineral essencial para diversas funções, mas umas das principais contribuições está na função muscular. Porém, sua atuação se estende também nas paredes dos vasos sanguíneos também, e isso ajuda a diminuir a pressão alta para pessoas que possuem essa condição. Os benefícios do Potássio podem garantir que haja um equilíbrio normal da água entre as células e o fluido fora delas, e que certas enzimas nas células possam funcionar corretamente.

 

Esse nutriente merece uma atenção muito especial em seu consumo porque, se ingerido um baixo teor de Potássio ou em contrapartida também um alto teor de Potássio é possível se ter aí a certos tipos de problemas de saúde. Essa condição é conhecida como hipercalemia, sendo necessário ter um acompanhamento adequado para saber a necessidade ideal de ingestão de Potássio no organismo.

 

Sendo ele o terceiro mineral mais importante e abundante no corpo, o cloreto de Potássio pode contribuir para a regulação os fluidos, em melhorias das funções do sistema nervoso e ainda ajudar a regular as contrações musculares. A maior parte de Potássio existente em seu corpo é encontrado nas células. Sendo divida entre as partes do seu corpo, uma parte do cloreto de Potássio está nas células musculares, e outras podem ser encontrados nos ossos, fígado e glóbulos vermelhos. E quando está inserido em seu corpo, ele pode funcionar como um eletrólito.

 

A ação do eletrólito se dá em processos de íons positivos ou negativos, e quando os eletrólitos se dissolvem neles, possui a capacidade de conduzir eletricidade. E é exatamente assim que, seu corpo utilizando dessa eletricidade, juntamente com a ação do Potássio, pode equilibrar de forma significativa os fluidos, contrações musculares e o sistema nervoso. Ele ainda assume um papel fundamental no equilíbrio de hídrico do organismo, isso pode contribuir para evitar a desidratação, assim como melhorar as funções miocárdica e neurológica.

 

O cloreto de Potássio é portanto um mineral muito importante, e que desempenha um papel necessário para a difusão de sinais nervosos responsáveis por regular a contração dos músculos e do coração, bem como os reflexos do organismo. Ele também pode promover o desenvolvimento muscular, fazendo com que eles possam crescer e se desenvolver saudavelmente. Mas para que serve o cloreto de Potássio?

 

Qual a função do Potássio?

O trabalho do Potássio é desempenhado juntamente com outros eletrólitos, onde sua principal função é conduzir os impulsos nervosos, por isso é muito falado que o Cloreto de Potássio é tão importante para as funções como aprendizagem e concentração. Ele também é responsável por dar início as contrações musculares, bem como as melhorias na regulação das funções cardíacas e pressão arterial.

 

As propriedades existentes na composição do Potássio podem ainda ajudar significativamente no controle da quantidade de líquido dentro das células, e isso se dá através da contribuição do sódio, que regula a quantidade de líquido na parte de fora dessa células, assim, esses dois minerais atuam trabalhando de forma conjunta, com o objetivo de equilibrar os níveis de líquido no corpo.

 

Sabemos que o Cloreto de Potássio é um dos minerais mais essenciais para o organismo. O corpo humano requer pelo menos cerca de 100 miligramas de Potássio diariamente para que os processos naturais do organismo possam funcionar normalmente. As principais funções do potássio no corpo consistem na contribuição para a regulação do equilíbrio de fluidos, bem como no controle da atividade elétrica do coração, assim como de outros músculos.

 

Uma alta ingestão de Potássio pode reduzir, de forma significativa, o riscos de mortalidade.Isso porque sua função consiste também em contribuir para a diminuição dos riscos de derrame, melhorar a pressão sanguínea e para os que necessitam de uma maior contribuição nos exercícios físicos, o cloreto de Potássio contribui ainda para proteger contra a perda de massa muscular. Os níveis normais de Potássio no corpo são importante porque eles ajudam a manter o seu coração batendo de forma regular e saudável.

 

O cloreto de Potássio pode também ajudar a reduzir o risco de pedras nos rins, e esse é um trabalho em conjunto. Isso porque os rins saudáveis podem contribuir para uma manutenção da quantidade adequada de Potássio no sangue, assim seu coração pode continuar a bater num ritmo constante. Porém, atenção ao consumo de Potássio em algumas condições, por exemplo, se você possui doença renal, os níveis de potássio podem afetar subindo os batimentos cardíacos.

 

Alguns estudos já demonstraram que, pessoas que fazem a ingestão de uma grande quantidade de Potássio de uma suplementação adequada, por exemplo, podem apresente uma redução na pressão arterial, diferentemente de pessoas que consomem quantidades muito baixas de Potássio.

 

Quais os tipos de Potássio?

Já entendemos todas as funções do Potássio, e conseguimos ver que, uma dieta rica em neste mineral, pode contribuir para diversos benefícios para a saúde, bem como diminuição da retenção de líquidos, regulação da pressão arterial e diminuição do risco de infarto. Mas quais os tipos de Potássio existentes?

 

Cloreto de Potássio: O Cloreto de Potássio, um dos tipos de Potássios mais conhecidos, e é bastante utilizado para o tratamento das condições causadas pela falta de Potássio no sangue. Este mineral é também geralmente indicado, de forma específica, para o tratamento da hipocalemia em pacientes que não fazem a ingestão de potássio líquido.

 

Iodeto de Potássio: O Iodeto de Potássio, através de suas propriedades, pode ser utilizado para o tratamento de incontáveis condições, como por exemplo trabalhando para  reduzir ou acabar com a expectoração, de forma bastante significativa, tratar deficiências nutritivas e até mesmo, em muitos casos, de exposição à radioatividade.

 

Nitrato de Potássio: O Nitrato de Potássio, chamado de salitre, é um composto orgânico bem parecido com o sal de cozinha,  responsável por dar cor e sabor, das carnes além de conservá-las e protegê-las contra a ação de microorganismos, e ainda, em alguns alimentos por dar maior sensação de saciedade.

 

Hidróxido de Potássio: Utilizado em diversas aplicações sejam elas químicas, industriais ou de fabricação. O Hidróxido de Potássio é um dos primeiros de outros compostos de Potássio. Em alimentos, o Hidróxido de Potássio tem a importante atuação de um agente de controle do pH, no equilíbrio e da viscosidade no alimento.

 

Sorbato de Potássio: Os Sorbatos de Potássio são importantes agentes antimicrobianos e antifúngicos, eles são capazes de retardar ou, até mesmo atua na prevenção do desenvolvimento desses microrganismos como as bactérias, os fungos e os mofos. Os Sorbatos também tem a função de preservar diversas outras características como o sabor, a textura, cor e ainda todo o valor nutritivo presentes nos alimentos em que ele é adicionado.

 

Citrato de Potássio: O Citrato de Potássio na maioria das vezes é prescrito em pessoas com condições específicas no tratamento de certos distúrbios renais, e eles podem ser pedra nos rins, acidose tubular renal e também gota. O Citrato de Potássio é ainda um modificador do Ph urinário, neste sentido, ele pode ajudar de forma significativa a tornar a urina menos ácida.  

 

Para que serve o Potássio?

O Cloreto de Potássio é comumente conhecido, principalmente, por sua importante função no auxílio para o melhor funcionamento dos músculos. Dentre os diversos minerais e nutrientes tão fundamentais para o corpo, ele se destaca por sua capacidade de benefícios oferecidos. Todos conhecem a banana como uma importante fonte riquíssima em Potássio, o uso dela é feito para pessoas que praticam exercício físico constantemente, isso porque alimentos com Potássio, como a banana, que reduz a quantidade de sódio existente no corpo e ajuda na condição física.

 

Porém, os benefícios que o Potássio pode trazer para o corpo são ainda maiores. Com base em orientações médicas, a maioria das pessoas que têm uma dieta balanceada pode estar ingerindo um níveis bons de Potássio para o organismo, mas a suplementação de Potássio pode garantir a quantidade adequada desse mineral. A falta de Potássio pode estar alarmantemente associado ao risco de pressão alta, doenças cardíacas, derrame, artrites, distúrbios digestivos e até mesmo infertilidade.

 

É por isso que, para pessoas que possuem um baixo teor de Potássio, alguns médicos por vezes recomendam dietas específicas, nas quais possam conter suplementos de Potássio, isso porque a suplementação pode, ativamente, garantir a ingestão adequada deste mineral, bem como atua na prevenção ou tratamento de algumas dessas condições.

 

Outros benefícios do Potássio:

O cloreto de Potássio traz benefícios comprovados à saúde. Assim como mencionamos ao longo de todo o texto, este mineral é uma das substâncias que assume papel necessário importante para a saúde do sistema cardiovascular, ajuda a regular a pressão arterial e o metabolismo como um todo. Ele também auxilia no fortalecimento dos ossos e dentes do corpo, isso é possível porque ele combate ácidos como o oxálico e o fítico que “roubam" o cálcio dos ossos.

 

É muito importante manter uma alimentação rica nesse mineral para manter uma boa densidade óssea. Dessa forma, ele também pode influenciar diretamente no alívio de dores relacionadas à contração muscular, tais como a cãibra (muito comum em atletas) e enxaquecas ocasionadas pelo tensionamento do músculo da cabeça.

 

O potássio atua como uma espécie de isotônico, regulando a entrada e saída de fluidos controlando os níveis de água no corpo. Além disso, ele auxilia na comunicação dos neurônios, sendo fundamental para o bom funcionamento da mente - ou seja, é importante para a memória, oxigenação do cérebro e até para a prevenção de problemas como AVCs. Compreenda especificamente todos benefícios do Potássio aqui citado, e ainda todos os outros que ele possui:

 

Pressão arterial e saúde cardiovascular: A baixa ingestão de Potássio, segundo diversas pesquisas têm sido constantemente associada à pressão alta e a perigosas doenças do coração. O ideal para diminuir a pressão sanguínea é consumir menores níveis de sódio, mas se você consumir uma quantidade adequada de cloreto de Potássio pode garantir igualmente uma importante e melhor função do coração.

 

Segundo um estudo com pessoas que possuem problemas cardíacos, indivíduos que consumiram uma quantidade expressiva de Potássio por dia tiveram um risco relativamente menor de morte por doença cardíaca em comparação com aqueles que consumiram uma quantidade baixa de Potássio.

 

Pode ajudar a prevenir pedras nos rins: Pedras nos rins geralmente são massas sólidas que se formam na urina. O cálcio é um mineral bastante comum nas pedras nos rins e diversos estudos já demonstraram que o Citrato de Potássio pode reduzir significativamente os níveis de cálcio na urina. Dessa forma, o potássio pode ajudar a combater pedras nos rins.

 

É importante mencionar que diversas frutas e legumes podem conter Citrato de Potássio, sendo bastante fácil adicionar à sua dieta. Em um estudo feito no período de três anos em homens e mulheres, os pesquisadores descobriram que alguns dos indivíduos que consumiam mais Potássio diariamente tinham um risco relativamente menor de adquirir pedras nos rins.

 

Pode reduzir a retenção de água: A retenção de líquido acontece quando existe um excesso de líquido acumulado dentro do corpo. Mesmo que o Potássio não desempenhe uma função como diurético, ele pode contribuir para diminuir os efeitos do sódio em todo o corpo. Geralmente, as pessoas consomem tendem a consumir pouco Potássio e muito mais sódio.

 

O Cloreto de Potássio tem sido usado para tratar a retenção de água. Estudos sugerem que, ao consumir mais Potássio, uma maior quantidade de sódio pode ser expelida por meio da urina e, por essa razão, o Potássio pode ajudar na diminuição da retenção de líquida originada pela ingestão excessiva de sal.

 

Manutenção óssea e muscular: Suplementos ricos em Potássio podem contribuir para manter um ambiente alcalino no corpo, diferentemente da acidose. A acidose metabólica geralmente se manifesta por manter uma alimentação com substâncias processadas, como carne, laticínios e cereais. Essa acidose pode causar algumas deficiências, como a diminuição na densidade mineral óssea e ainda a perda de massa muscular.

 

Uma dieta rica em cloreto de Potássio pode contribuir para a preservação da massa muscular em diversas idades, mas principalmente em idosos. Ou até mesmo durante condições que podem levar à perda de massa muscular, como um exemplo a cetose diabética. A boa notícia é que, uma ingestão rica e suficiente de Potássio pode, de forma significativa, ajudar a evitar essas condições.

 

Pode ajudar a proteger contra derrames: Condições bastante conhecidas como o Acidente Vascular Cerebral (AVC) geralmente podem ocorrer quando existe uma falta de fluxo sanguíneo pelo cérebro. Essa condição pode causa da morte de milhares de pessoas todos os anos. Segundo diversos estudos, pode ser descoberto que manter uma uma dieta rica em Potássio pode contribuir para a prevenção de derrames.

 

Em algumas pesquisas específicas sobre a relação do cloreto de Potássio e o derrame, especialistas identificaram que pessoas que consumiram mais Potássio conseguiram obter um risco relativamente menor de AVC do que as pessoas que fizeram a menor ingestão.

Ainda durante este estudo, eles também observaram que fazer a ingestão de uma dieta rica em minerais como o Potássio estava intimamente ligada a um risco bem menor de desenvolver doenças cardíacas.

 

Quais as formas de uso e como tomar?

Não existe ingestão diária recomendada, como mencionamos neste texto, uma baixa ou alta ingestão de Potássio pode ser benéfico, portanto, é muito importante é que haja um equilíbrio entre a quantidade ingerida. Neste sentido, são recomendadas cápsulas com doses  de 2.000 a 3.000 mg por dia. Uma quantidade maior pode ser necessária para o controle da pressão arterial.

 

Alguns alimentos, como frutas e legumes frescos, como bananas, laranjas e batatas, apresentam um bom teor de potássio. Carnes vermelhas, aves, leite e iogurte também são excelentes fontes de consumo de potássio. Mas para uma melhor suplementação, aqui está uma importante opção:

 

Cápsula: O suplemento de Potássio é um importante complemento para ajudar a regular toda a saúde, pois sendo ele necessário para a síntese de proteínas e glicogênio, está inserido no mecanismo de contração e relaxamento muscular. As recomendações de uso é de fazer a ingestão de cerca de 2 a 3 cápsulas durante o dia. É necessário que não sejam consumidos mais que 3 cápsulas ao dia.

 

Quais os efeitos colaterais?

Como mencionado neste texto, a falta de Potássio no sangue é conhecida como hipocalemia, ela se dá quando existe uma baixa enorme de potássio no organismo, seja diminuição da ingestão de alimentos fonte de potássio ou pela falta de uma suplementação adequada Potássio. Os principais sintomas dessa falta é uma fraqueza contínua, cansaço, câimbras musculares, formigamento e dormência.

 

Um nível de Potássio muito alto ou muito baixo pode ser bastante sério. Para a ingestão correta do Potássio, é necessário ter um controle e orientação médica. Além disso, é muito importante manter uma alimentação balanceada diariamente, para que a absorção de mineral seja completa no organismo.

 

Por fim, não foram encontrados efeitos colaterais no uso de suplementos do cloreto de Potássio, isso porque geralmente eles são prescritos por um médico, que prescreve geralmente quando são feitos os testes de Potássio no sangue para a avaliação dos níveis. Nossa recomendação é de que você nunca comece a tomar suplementos de Potássio ou qualquer um outro por conta própria, é muito importante fazer um acompanhamento médico para que não haja nenhum efeito adverso para a saúde.

Blog Naturemed